Poker marginal adjetivado

Filando as cartas, dama e lixo, diferentes naipes, posição ruim, fold forçado, duas da mattina, feltro gasto, baralho marcado, dealer uma dama cansada, ficha empilhada, sono deixado, café ao lado, cigarro acabado, sorte azarada, piada velha, falinha safada, nova rodada.

Olhando as cartas, dois e dez e mais nada, ao menos naipada, posição que nada, raise forçado, duas e dez, feltro arranhado no bet inesperado, bordo catrupiado, ficha espalhada, agora acordado, café derramado, mas falta cigarro, na boa jogada, pote puxado na blefada.

Mão começada, ás e rei de espada, na mente há boa jogada, já é madrugada, feltro marcado pela cinza jogada do cigarro filado, dealer trocado, ficha escapada, falinha arranhada, nem parece piada, mas a carta derrubada, é dama pareada, mata a jogada logo na entrada.

A cada rodada, a rotina do novo e a parceirada.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha o campo abaixo para validar seu comentário * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.